23 de agosto de 2012

Surpreenda alguém com um ato de bondade

Nós cristãos evangélicos não gostamos muito de ouvir sobre “ato de bondade” porque soa como um ato espírita. Mas o que é um ato de bondade?

Ato de bondade não é sair dando dinheiro para as pessoas ou ajudando a alguém que está pedindo ajuda. É demonstrar através de pequenos gestos a importância do próximo.

Jesus diz em Lucas 10: 25 a 36 que, para herdar a vida eterna, é necessário amar a Deus intensamente e amar ao próximo. Quando Ele diz: “Ame ao seu próximo como a ti mesmo”, Ele está querendo dizer que devemos fazer pelos outros como se estivéssemos fazendo por nós mesmos. E neste mesmo texto, Jesus dá uma ilustração sobre o amor ao próximo, contando a parábola do bom samaritano.

Quero destacar três pontos importantes que Jesus deixou para todos sobre o amor ao próximo neste texto bíblico:
  1. Para amar ao próximo não é preciso ser um grande religioso. Para amar ao próximo não preciso esperar um líder ou pastor que incentive essa atitude.
  2. Para amar ao próximo não é preciso ser alguém que tenha recebido uma ordem clara de Deus para fazê-lo.
  3. Para amar a alguém são necessárias atitudes práticas e a quebra de preconceitos. O amor ao próximo é um ato natural de todo cristão que ama a Deus.
Diante dessas verdades deixadas por Cristo, todo cristão deve ir para a prática. Cada um deve demonstrar o amor ao próximo e, uma das maneiras de fazer isto, é surpreendendo alguém com um ato de bondade. Uma dica é: escolha uma pessoa a quem outras pessoas normalmente não dão valor e a surpreenda com um ou vários atos de bondade. Se você fizer isto, com certeza ela verá Cristo em você. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário