24 de janeiro de 2014

Que tipo de pessoa você é?


Quem nunca brincou com um balão cheio de ar? Nessa brincadeira tão simples, que faz qualquer um se empolgar, o balão é um objeto levado, sem escolha, de um lado para o outro.

O mais incrível é que, assim como aquele balão, muitas pessoas têm sido levadas de um lado para o outro.  Vivemos um tempo em que as pessoas não têm base ou alicerce. São muitos os que vão à igreja mas não sabem o porquê vão e o sentido de tudo que estão seguindo. Outros são muito rasos em seus princípios e valores. A consequência disso é que são facilmente levados para outro caminho, por outras ideias.

No evangelho de Mateus 7: 24 a 27 e Lucas 6: 46 a 49, Jesus conta uma parábola muito interessante do prudente construtor e o insensato construtor. Essa parábola tem elementos muito interessantes que nos ajudarão a entender sobre alguém com fundamento e alguém sem fundamento.

Um dos personagens da história de Jesus, o prudente construtor, fez sua casa e se preocupou com o lugar onde estava sendo construída a casa, qual era o alicerce dela. Ele estudou, planejou e não se preocupou com o tempo que ele iria gastar para terminar de construí-la. Já o outro personagem, o construtor insensato, não fez nada do que o prudente fez: ele não se preocupou com a base de sua casa, queria um resultado rápido e buscou algo mais fácil para construir. O resultado dessa história é que, quando veio à tempestade, a casa do prudente ficou de pé e a do insensato foi destruída.

As pessoas que não têm base cometem o mesmo erro do insensato construtor: elas não se preocupam com os fundamentos. Como consequência disso, acabam sendo levadas e destruídas pelas influências externas, as crises, as dificuldades da vida que vêm para todos nós. A consequência disso é que  muitos adolescentes e jovens estão se perdendo em filosofias erradas, em vícios, abandonando a fé cristã, vivendo somente em busca de prazer, tendo uma fé relativa e principalmente sem nenhuma identidade.

O desejo de Deus é que cada cristão seja uma pessoa que tenha base, alicerces e fundamentos bem claros. Que tenha conhecimento da Palavra de Deus, e não leia a Bíblia como um livro qualquer. Que conheça os fundamentos da fé cristã, tenha princípios fundamentados e inegociáveis e também viva com uma identidade verdadeira, coloque Deus no centro de tudo que faz e, por fim, tenha uma comunhão sincera com o Pai.

Dicas de textos Bíblicos para semana: Tg 1:22 a 27, I Pe 3:15, Jo 14:21 a 24, Ne 8: 1 a 6

Um comentário:

  1. Pastor Bruno!! Que palavra de alerta para os adolescentes e jovens, mas creio que seja algo a ser dito para alguns pais e líderes que ainda vivem uma vida de coisas passageiras e não conseguem firmar seus princípios e valores conforme nos orienta a Palavra de Deus. Que Deus o inspire a cada dia escrever assuntos tão relevantes para esse tempo. Um abraço em toda sua família, Tania Meneguitte - Líder dos Adolescentes da PIB de Irajá - Rio de Janeiro

    ResponderExcluir

O que achou do tema? Comente!