24 de julho de 2015

#Vcssãofortes


Texto Básico: I João 2:13b,14b

Introdução:

Vivi toda a minha adolescência e mocidade dentro da igreja, e há muito tempo tenho ouvido uma sempre a mesma coisa sobre os adolescentes e jovens: “Adolescente e jovem não pode , não consegue, não dá conta ... 
E essas frases são ditas tanto pelos pais, irmãos da igreja e até mesmo muitos  adolescentes dizem.
Porém quando olho para a Bíblia não é o que vejo nas histórias, personagens e alguns textos.
Contexto Importante do Autor e do texto de I João 2: 13b e 14b

O apostolo João podia dizer estas coisas que diz no versiculo, pois ele foi chamado por Jesus para ser seu discípulo quando ele tinha 24 anos; Ele portanto viveu sua juventude para Deus;

João, o apóstolo bem-amado (o mais jovem e impulsivo), irmão de Tiago (Maior)… e primo de Jesus? Apesar de ser o mais conhecido dos discípulos de Jesus pelos fariseus e romanos, foi o único que permaneceu em frente a Jesus durante a crucificação, e o único que não foi assassinado, vivendo até velhice, depois de tentarem matá-lo mergulhando-o em óleo fervente. 

Foi o que mais escreveu sobre Jesus e foi quem cuidou de Maria, a mãe de Jesus. 

Desenvolvimento:

I João 2:14b diz assim em outra versão: “Eu vos escrevi, homens jovens, porque (que) estais fortes e a palavra de Deus permanece em vós e derrotastes o maligno”.  
João estava dizendo para o grupo de pessoas de pouca idade a igreja;

1- Fortes

Essa força que João está se referindo é tanto a força física, mental, quanto a espiritual;
De alguém que tem um espírito Forte para vencer os ataques do diabo;

Aplicação: 

Todos sabem que é na adolescência existem muitas coisas exageradas, engraçadas. Exemplos: 

E que a intensidade é algo comum, como por exemplo: 
Fala demais ou fala de menos
Dorme demais
Come demais ou não come nada
Ouve música demais (alta)
Fica demais com os amigos
Zoa demais
Briga demais
TV ou CPU demais

Mas porque não usar toda força que temos para Deus. 
Isso é possível! A Bíblia cita vários casos de pessoas de pouca idade que usaram sua juventude para Deus (força);
Deus usa muito o adolescente. Por quê?
          o Não tem medo
          o Corajoso
          o Entra de cabeça
          o Tem muita disposição
          o Tem muito tempo
          o Fala a verdade

Vejamos alguns exemplos. Todos eles tinham seus exageros, mas usaram o que tinham de melhor para Deus;
          Samuel
          João, discípulo de Jesus
          Timóteo
          Eliseu
          Davi

Precisamos mudar a maneira que nos enxergamos e vemos nossos filhos. Precisamos ver cada um deles como Deus os vê

2- Palavra de Deus permanece;

Importa que esses homens não apenas “ouçam” a palavra de Deus, mas que a palavra ouvida “permaneça”, desenvolvendo neles seu poder vital. Cumpre considerar, neste ponto, que os membros da igreja daquele tempo não tinham uma “Bíblia”! Para que a palavra do Cristo agisse neles, ela precisava ser acolhida e guardada firmemente na memória, e constantemente ser trabalhada no íntimo 

A frase do apóstolo nos mostra que a leitura da Bíblia não apenas constitui certo “dever” de um cristão, mas é a condição para seu vigor e sua vitória nas tribulações.

Aplicação: 

Conheça a Palavra de Deus, e ela que vai te sustentar;
Nós podemos mais da palavra de Deus;

Aos Pais - 

Invista tempo em seus filhos
Busque a Deus junto com seus filhos
Não transfira responsabilidades
Abençoe sempre seus filhos
Não deixe seu filho adolescente atoa
Tenha sempre limites dentro de casa
Se as coisas de Deus não envolver seu filho, o mundo vai envolver.

Salmos 119: 9 a 11 

3- Vencido o Maligno

A expressão “Tendes vencido o Maligno” aparece duas vezes nos textos (13,14);
Mas os homens jovens já o derrotaram. Que palavra ousada! João não apenas deseja que eles possam vencê-lo. Não desafia a igreja para a luta e o engajamento, para que quiçá obtenha a vitória. Ele fala no pretérito: “que vencestes o maligno”. 
Como pode fazer isso? Esses homens jovens estão “em Cristo” e têm “comunhão” com ele. Portanto são participantes da vitória que Jesus conquistou sobre todos os poderes das trevas ao morrer na cruz. 
Essa “participação” é vista por João de forma tão séria e real que ele pode asseverar aos homens jovens que possuem a vitória sobre o maligno como fato consumado;
Em Cristo já somos vitoriosos contra as forças das trevas que tentam nos derrubar (pecado, lutas espirituais)
Em Cristo somos livres do Mal. Essa expressão é a mesma de Mateus 6:13 “Mas livra-nos do mal”;

Aplicação: 
Muitas vezes nos esquecemos de quem nós somos em Deus, e acreditamos no que os outros dizem que somos e o que o diabo diz que somos;
Não podemos agir como derrotados diante de satanás;

Conclusão

Diante dessa mensagem creia no potencial de cada adolescente, e comece a se ver ou a ver a galera como Deus vê.

Nenhum comentário:

Postar um comentário